11 de agosto de 2010

A pontualidade


A pontualidade é uma forma de mostrar respeito e consideração com o próximo, infelizmente, um hábito não muito comum entre a maioria das pessoas.
A pontualidade é uma virtude de pessoas civilizadas.
Ser pontual não é se precipitar, chegando com muito tempo de antecedência no compromisso ou local combinado.
Ser pontual é chegar, pelo menos, 15 minutos antes do horário estabelecido.
Existem pessoas que brincam comigo por causa de minha pontualidade britânica. E sempre respondo com bom humor, que "Mineiro não perde trem por que chega antes na estação".
Não, não sou mineira, mas fui criada assim, sabendo respeitar os horários, respeitar as pessoas que nos aguardam.
Se você chegar atrasado ao seu trabalho, certamente vai arrumar uma dor de cabeça daquelas não é?
Então.

Deste modo procuro ser pontual ao máximo, e fico muito, mais muito aborrecida quando as pessoas se atrasam, e pior, quando te convidam para ir a algum evento com hora marcada e você chega no horário, e te largam lá mais de uma hora sem nenhuma satisfação.
Acho isso uma total falta de respeito.

Ontem por exemplo eu fui a uma degustação, onde liguei, coloquei meu nome na lista e nessa degustação outras 4 pessoas que tinham me convidado pra degustação viriam do Rio.
Pois bem, depois de uma hora de espera, decidimos nos levantar e ir embora. Escolhemos o restaurante em frente, restaurante esse que muito apreciamos.
Sim evidentemente uma das pessoas que representa os vinhos aqui em Niterói (e é meu conhecido faz tempo, e sou cliente dele também faz tempo) ficou com a cara no chão.
Também sou cliente do restaurante, que promoveria a degustação.
Mas o que eu posso fazer?
Se as pessoas que deveriam comparecer a degustação as 20 h, até as 21 h não apareceram?
Sou eu que tenho que esperar esses "atrasildos" e na minha opinião desrespeitosos aparecerem?

Não.
Infelizmente aqui no Brasil as pessoas não são pontuais, não tem compromisso, e não respeitam os outros.
E, enquanto os organizadores, continuarem desrespeitando quem chega na hora, o povo vai continuar na mesma falta de educação.

1 comentários:

Claudia Holanda disse...

Apoiadíssimo, Romaine. Achei muito elegante seu post. Mas como eu também estava nessa degustação que não houve e fui uma das que se despencaram do Rio, vou declinar o nome do restaurante: Nossa casa restaurante, em Niterói. Falta de consideração total com a clientela que agendou o nome no evento, chegou na hora e nada. Pior foi a cara do dono restaurante fingindo que nem era com ele... No mínimo, tinha que dar uma satisfaçaõ.

Postar um comentário

Deguste!!! Fique a vontade. Mas evite comentários ofensivos, não use palavrões. Esse espaço é de alegria.